O USO EFICIENTE DA ENERGIA MENTAL E FÍSICA PARA APLICAR UM ESTRANGULAMENTO.

“[…] Ao pressionar as artérias carótidas pelos dois lados com as duas mãos, o sangue será impedido de chegar ao cérebro e o seu oponente irá desistir, ou dormir.”


“Dependendo de onde você segura o oponente, num ponto mais alto ou mais baixo, se você não segurar o oponente no alto da gola da lapela, a técnica não será eficiente.”

“O sangue não chegará à cabeça, portanto, se você segurar no ponto mais alto, quanto mais pressionar, maior será a pressão sobre a artéria carótida.”

Musculação que protege a artéria


“Se sua pegada for muito embaixo, o oponente que tiver um braço longo e forte poderá impedi-lo de pressionar sua carótida e você terá de afrouxar a pegada.”


“Essa é uma aplicação da teoria de fazer o melhor uso da sua energia mental e física.”


“Se sua pegada for baixa, o movimento não será eficiente.”


“Se você segurar mais em cima, a pressão será aplicada na artéria.”


“O que deve ser levado em consideração é a necessidade de aplicar a pressão sobre essa artéria.”

Por Edvaldo Júnior, fonte: Referência bibliográfica: Energia Mental e Física, de Jigoro Kano

134 thoughts on “O USO EFICIENTE DA ENERGIA MENTAL E FÍSICA PARA APLICAR UM ESTRANGULAMENTO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *