Jornal Nacional mostra cerco da polícia para prender mulher de Queiroz

Telejornal acompanhou operações em São Paulo e em Minas Gerais, que vasculharam casas de amigos e parentes

O Jornal Nacional desta terça-feira (23) destacou operações da polícia para tentar prender a mulher de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) e apontado como operador de um esquema de corrupção no gabinete do filho do presidente, quando ele era deputado estadual no Rio de Janeiro.

“A polícia e o Ministério Público fizeram operações hoje nos estados do Rio e de Minas Gerais para tentar prender Márcia Oliveira de Aguiar. É a mulher de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro”, anunciou o apresentador William Bonner.

A reportagem mostrou as operações já desde o início, nas primeiras horas da manhã desta terça. Os policiais e promotores, mostrou o JN, foram em casas de parentes de Queiroz e de Márcia. Os locais foram revistados, e os moradores, interrogados.

A surpresa de vizinhos também foi exibida pela reportagem. O JN chega a entrevistar um compadre de Queiroz, casado com uma das primas, e além de vizinho de Minas, onde ele cresceu.

A reportagem também destacou como as investigações apontam que Márcia tinha um papel importante no esquema de corrupção e a postura da mulher de Queiroz nas redes sociais: “não resiste a uma selfie, sempre ostentando presentes e viagens”.

Por Ricardo Ribeiro

133 thoughts on “Jornal Nacional mostra cerco da polícia para prender mulher de Queiroz

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *