CORINTHIANS MELHORA TERMOS DE RESCISÃO E ECONOMIZA COM SAÍDA DE LOVE; CENÁRIO INVERTE COM JÔ

O Corinthians economizará algo próximo de R$ 3,5 milhões com a saída de Vagner Love. O contrato foi rescindido amigavelmente, diferente das recentes operações com Jadson e Ralf.

Os três veteranos tinham contrato com vencimento no próximo mês de dezembro. Ralf e Jadson, porém, não faziam parte dos planos de Tiago Nunes, diferente do Artilheiro do Amor.

Com Love, o Corinthians esperou aparecer um clube interessado e então não dificultou a saída. Em contrapartida, o jogador abriu mão dos salários que receberia até o fim do ano. O Timão também se despediu do atleta nas redes de forma mais carinhosa.

Nos casos de Jadson e Ralf, o Corinthians dispensou os serviços dos atletas e os liberou no mercado para procurarem novos clubes. Nenhum dos dois abriu mão dos salários de 2020. Houve ao menos renegociação no prazo do pagamento, de dezembro de 2020 para 2021.

Ao comparar as rescisões dos jogadores, Love tem agora uma saída melhor arquitetada pelo Corinthians e principalmente menos custosa ao clube. O Timão não lucra com a transferência ao futebol Russo, mas economiza. E o atacante já tem novo destino garantido.

Uma outra comparação com um outro ex-jogador corinthiano, porém, já inverte o cenário de economia. A possível contratação de Jô elevaria a folha salarial da equipe num artilheiro de 2015 versus artilheiro de 2017.

Goleador também no Japão após brilhar no hepta brasileiro do Corinthians, Jô já fiz uma primeira pedida além do que o clube está disposto a pagar pelo retorno para 2020. As partes seguem conversando para equacionar a diferença.

Mesmo baixando os valores na nova pedida, Jô dificilmente receberá menos que Love. O Corinthians pode assim elevar sua folha salarial para o segundo semestre no fim das contas, num comparativo entre o centroavante que saiu e o que vem negociando sua chegada.

Por Lucas faraldo

196 thoughts on “CORINTHIANS MELHORA TERMOS DE RESCISÃO E ECONOMIZA COM SAÍDA DE LOVE; CENÁRIO INVERTE COM JÔ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *