Wanderlei Silva é atropelado, quebra o pé, mas segue pensando em luta com Mike Tyson: ‘Ano que vem’

Lenda do MMA, com passagens brilhantes por Pride e UFC, Wanderlei Silva foi atropelado na última quarta-feira.

O lutador estava andando de bicicleta em Curitiba quando foi atingido por um veículo ao passar por um cruzamento, conforme relatou ao ESPN.com.br.

“Era mais ou menos 6h50 da manhã. Eu estava passando por uma praça, não tinha ninguém na rua. Quando cheguei no segundo sinal de uma descida, não sei se o motorista estava distraído ou no telefone, mas ele me atingiu”, contou ele, que teve um corte na região do olho e quebrou o pé esquerdo.

O lutador foi socorrido pelo motorista do carro e levado ao hospital, de onde foi liberado após atendimento.

“Caí de cara. Se não estivesse de capacete e equipamento de proteção, teria me machucado com gravidade”, disse. “Como também tenho a cervical muito forte, isso pode ter evitado alguma outra lesão”, disse o lutador.

Por conta das escoriações e principalmente da fratura, o Cachorro Louco, que vinha negociando uma luta com Mike Tyson, está um pouco apreensivo.

“Para esse ano, ficou complicado, porque eu vou ficar aí de molho um tempo, apesar de não ter me machucado com gravidade”, disse. “Mas eu acho que essa luta, se acontecer será para o ano que vem”, diz.

“Eu vinha me preparando, porque essa luta estava sendo cogitada. Ainda não estava treinando duro, porque não estava confirmada. Mas já tinha começado”, diz.

Essa não foi a primeira vez que Wand foi atropelado. Em 2016, ele também sofreu um acidente. E embora o impacto da colisão tenha sido menor, as cosequências foram piores.

“Tive de operar ombro e joelho”, relembra-se.

Por fim, Silva faz dois apelos:

“Quero ressaltar a importância de se usar luz e capacete. Se eu não estivesse usando, a coisa poderia ter ficado feia”, disse.

“E também quero pedir para o govero investir um pouco mais em ciclovia. Tenho certeza que, com uma ciclovia um pouco melhor, mais gente ia se beneficiar”, disse.

“Bicicleta é terapia, é fonte de exercício, você socializa com outras pessoas”, finalizou, afirmando que pretende continuar pedalando, assim que possível.

Por DIEGO IWATA LIMA

279 thoughts on “Wanderlei Silva é atropelado, quebra o pé, mas segue pensando em luta com Mike Tyson: ‘Ano que vem’

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *